Balanços

segunda-feira, dezembro 28, 2015


Ao revisitar esta publicação - que parece tão recente e está a fazer praticamente um ano - apercebo-me de que dos objectivos de 2015 que tinha traçado, consegui cumprir alguns. 

O primeiro de todos era tirar, finalmente, a Licenciatura em Relações Internacionais e essa resolução demorou 9 meses de 2015 para ser concretizada. Consegui. Finalmente sou licenciada no curso universitário. Quanto ao segundo, que seria de ter feito render muito o meu trabalho no restaurante de forma a ajudar o meu velhote mas também ajudar-me a mim mesma - monetariamente falando - tenho a dizer que... eu tentei. Mas a crise não ajudou em nada e este ano, principalmente os últimos 3 meses têm sido horríveis. Nem a época natalícia corrigiu. Entristece-me.
"Vou continuar a desfrutar das coisas mais simples e deixar-me de preguiça para toda e qualquer coisa. Quero fotografar mais neste novo ano e, principalmente, instantaneamente até conseguir tirar o melhor partido da câmara." 

Quanto a este, confirmo que embora eu tenha continuado a desfrutar da simplicidade, a preguiça venceu e eu não fotografei nada este ano. Muito menos com a câmara instantânea. Teve aquelas fotografias no Brasil mas foi só... E acho que os meus filmes já devem ter passado de validade e são inúteis agora. Why vida? 

Tinha eu dito que iria cuidar mais de mim, alimentar-me melhor, fazer caminhadas e ter horários de sono melhores. Tirando os horários de sono que continuam horríveis, fico muito orgulhosa de mim, por a partir do terceiro mês de 2015 eu ter começado uma reeducação alimentar e em Outubro não ter feito caminhadas mas ter-me inscrito no ginásio. Os resultados estão à vista: além de ter perdido bastante peso - e ainda preciso perder horrores -, a minha saúde aumentou, assim como a auto-estima.
Viajar várias vezes? Onde e com que dinheiro? Tenho imensa pena de dizer que este objectivo de 2015 não foi cumprido, nem lá perto. Destacou-se a viagem ao Brasil que mudou a minha vida e forma de ver o mundo mas... não tenho perspectivas de repetir a maravilhosa experiência.
A nível de familiar correu tudo bem e que bom perceber isso.

E se "Sozinha, também brilho"? Sempre.

No final, o balanço que faço é positivo pois as coisas que afectaram mais a minha vida, realizaram-se. Penso que o início do novo ano me fará pensar em novas resoluções... mas até lá, ainda vou pensar nelas.

You Might Also Like

2 comentários

  1. Bom Ano Novo!
    um beijinho
    Gábi

    ResponderEliminar
  2. Eu sei que tecnicamente este post é de Dezembro mas tenho andado para te perguntar desde que o li, sobre o curso de RI. É que estou no 12º de Humanidades e sinceramente é o curso que tenho andado a considerar seguir no futuro. Penso que andaste na UM, ficaste satisfeita e achas que sei lá em termos de ensino foi de encontro as tuas expectativas? Tinhas alguma aula que preferisses? Ou assim alguma dica para quem pretende seguir o curso? Ahhhh agradeço imenso qualquer resposta desde já! (isto de escolher o teu futuro até é bem lixado :P)

    ResponderEliminar

Obrigada pelo teu comentário e visita ao meu blogue. ❤ Volta sempre.